Filme do Ano

O ano em que meus pais sa�ram de férias

O filme brasileiro indicado ao prêmio de Melhor Filme Estrangeiro no Oscar 2008 é o belíssimo filme: “O ano em que meus pais saíram de férias”. Um filme sensível, dirigido por Cao Hamburger, que tem como plano de fundo a Copa de 1970 e a ditadura militar. A história é narrada por um menino de 12 anos, Mauro (interpretado por Michel Joelsas), que teve seus pais presos por causa da ditadura militar. No momento em que descobrem que estão sendo procurados pela polícia, os pais do garoto deixam ele na casa do avô, em São Paulo. Para não falar a verdade ao garoto, eles falam que vão tirar umas férias, mas prometem que voltam no final da Copa do Mundo. O garoto é apaixonado por futebol, tem jogo de futebol de botão, passa o dia jogando bola e espera ansioso pelos jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo.
O avô morava no Bairro do Bom Retiro, em um prédio de judeus. O avô do garoto é interpretado por Paulo Autran. É uma pena que ele tenha feito apenas uma participação no filme, pois o personagem morre logo no começo.
Bom, não vou mais contar o filme. Ele é gracioso por causa dos detalhes e da sensibilidade que Cao teve. O diretor viveu uma situação parecida durante a ditadura militar: seus pais foram procurados pela polícia e ele teve que morar na casa de suas avós. Na verdade ele decidiu não sair de sua casa e por isso as avós se revezaram para cuidar dele. Afirmam que o filme foi baseado na história de Cao e por isso consegue ser tão verdadeiro.
Outra curiosidade do filme é que Roberto Carlos autorizou que a sua música “Eu sou terrível” tocasse no filme (o cantor não permite mais isso). Provavelmente ele seja outro espectador que gostou do filme e que ficou feliz com sua indicação pra estatueta.
É importante que filmes assim representem o Brasil no exterior. Porque aqui não tem só favela e tropas de elite. Depois reclamam quando os americanos fazem filmes como Turista, que mostram a realidade do Brasil que é passada lá fora, mas no caso do filme americano é trafico de órgãos e não de drogas.
O site do filme é: http://www.oano.com.br. Assim como o filme, o site é muito bem feito. Vale a pena dar uma conferida.

por Mayah Gasparoto

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: