Guilhermo Del Toro fala sobre O Hobbit

Numa palestra da New Yorker, na Associação dos Diretores dos Estados Unidos, Guilhermo Del Toro falou sobre O Hobbit. Contou que durante a manhã está escrevendo o roteiro, e à tarde, assiste documentários que acredita, irão influenciar no filme: “Por exemplo, tenho visto muitos documentários da Primeira Guerra Mundial. Parece estranho, mas acho que O Hobbit é um livro nascido das experiências da geração de Tolkien com a guerra, os campos de batalha e a decepção de ver o colapso de valores. Peter Jackson entende isso e tem verdadeira obsessão pelo período, ele coleciona aviões, tanques, canhões… até navios! Ele tem reproduções de uniformes de época para cerca de 120 soldados… cada exército! Então perguntei a ele quais filmes assistir, porque não quero ficar vendo filmes antigos de fantasia. Preciso encontrar minha própria maneira de contar a história”.

Del Toro ainda falou sobre Smaug, o dragão/vilão do livro, e admitiu ter fascínio por ele: “É um símbolo poderoso e no contexto de O Hobbit ele é usado para lançar uma sombra sobre a narrativa toda. Essencialmente, Smaug representa muitas coisas… orgulho, ganância… ele é O Magnífico, afinal. É o design mais difícil do filme, temos que esgotar todas as possibilidades antes de fechar em uma opção”.

O Hobbit será gravado até 2012, espero que siga a linha das ótimas adaptações da Trilogia O Senhor dos Anéis.

Nota rápida: O que vocês acham disso? Eu acho altamente ignorante.

por Thalita Coelho.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: